DIRCEU DETROZ

 -  - DIRCEU DETROZ
Total Visualizações: 126215
Texto mais lido:
BAILARINA - Total: 534
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 1639
10 Autores mais recentes...
JOSÉ ROBERTO DA SILVA
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1493801
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 251988
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 126215
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 112331
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 91627
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 55830
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 33920
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 31718
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 30636
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 26150
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 140
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

A MAÇA DO CONHECIMENTO


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Cristóvão Colombo foi o responsável por um dos maiores feitos da Humanidade. Todos sabemos o que aconteceu em 12 de outubro de 1492. Talvez, nem todos. Estranhamente esse destemido navegador acabou traído pela sua crença.

Colombo morreu sem acreditar ter descoberto um novo continente. Estava convicto de ali ser a “Índias”, uma ilha na costa leste da Ásia. Até chamou os habitantes locais de “índios”. Não acreditou porque em nenhum lugar da Bíblia falava dessa nova terra.

É atribuído a Américo Vespúcio que participou de várias expedições a essa nova terra entre 1499 e 1504 a certeza de que a descoberta de Colombo se tratava de um continente desconhecido. Quando o cartógrafo Martin Waldseemüller atualizou seu mapa-múndi, erroneamente acreditando ser Vespúcio seu descobridor batizou o novo continente de América.

A crença é uma traiçoeira e tanto. Se perguntados qual é o livro mais influente da história, dependendo da religião do perguntado, ouviremos repostas como: Bíblia, Alcorão, Vedas.

Grande engano. O livro mais influente da história fala de ciência. “Princípios Básicos da Filosofia Natural” escrito por Isaac Newton fundamenta toda a mecânica clássica que usamos no nosso dia a dia atualmente. Lenda por lenda, a maça da Lei da Gravidade de Newton é muito mais importante do que a maça da Eva.

Se o vírus do conhecimento não tivesse confrontado a crença, ainda estaríamos nos arrastando na Idade Média. Talvez, sem energia elétrica, sem água encanada. Com crianças morrendo por dor de barriga. Ainda seríamos o centro do Sistema Solar. Não pensem que foi fácil para a ciência escapar das garras dos dogmas religiosos. Santos foram aqueles que ousaram.

À medida que a ciência foi vencendo as batalhas o mundo se transformou a partir do século 18. Foi como se uma nuvem negra tivesse se afastado. A ciência nunca precisou se adequar aos dogmas religiosos. O inverso sempre foi uma constante, e na Idade Moderna acontece com muito mais frequência.

O motivo da ciência ter vencido é simples. A religião nunca conseguiu fazer sua arma do acreditar evoluir. A arma questionar da ciência evolui diariamente. Uma teoria aceita como verdadeira hoje, pode deixar de ser amanhã. A crença sempre terá um limite. A ciência nunca.

Enquanto para o nosso planeta ainda houver alguma chance de salvação, ela virá pelas mãos da ciência. Quando isso deixar de ser possível, a crença estará outra vez acendendo fogueiras e queimando “bruxas” vivas. Sua última diversão antes do fim.

 
 

Esse texto já foi lido hoje por esse computador e usuário. A contagem da poesia não foi adicionada!
 
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de DIRCEU DETROZ:
A "IA" NÃO SERÁ UM MENINO BONITO Autor(a):
A ALMA A SINGULARIDADE E O FUTURO Autor(a):
A CHEGADA Autor(a):
A CULPA NÃO É DOS OSSOS - Crônica escrita em 2014 Autor(a):
A EQUAÇÃO DA ALMA Autor(a):
À ESPREITA Autor(a):
A GENÉTICA DIVINA Autor(a):
A INDUSTRIA GENÉTICA NÃO É FICÇÃO Autor(a):
A INFÂNCIA DOS LIVROS Autor(a):
A LIZZ DO DIR Autor(a):
A MAÇA DO CONHECIMENTO Autor(a):
A MENINA NA JANELA Autor(a):
A NOITE DE ONTEM Autor(a):
A NOSSA IDADE DAS TREVAS Autor(a):
A NOSSA LÍNGUA PORTUGUESA Autor(a):
A OBRA-PRIMA DO PERDÃO Autor(a):
A REALIDADE E A FICÇÃO Autor(a):
A SAGA DO SOM ESTÉREO Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A UTOPIA CÓSMICA Autor(a):
A VAGINA DO PICASSO (Um conto nada intelectual) Autor(a):
A VARIÁVEL ESQUECIDA Autor(a):
A VARIÁVEL HUMANA Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VIDA PREGA PEÇAS Autor(a):
A VISITA Autor(a):
A VISITA DO APOPHIS Autor(a):
AÇÃO Autor(a):