THALYA SANTOS

 -  - THALYA SANTOS
Total Visualizações: 61746
Texto mais lido:
AMANHECER NA QUERÊNCIA - Total: 473
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 872
10 Autores mais recentes...
ELIZABETH PEREIRA DA SILVA
ELLENDRA VALENTINE
ONIVAN BARBOSA PANTOJA
ADALTO FREITAS
PERGENTINO JUNIOR
MARIA DO SOCORRO DOMINGOS
PAOLA CAMILA DOS SANTOS ESQUIVEL
SALETE APARECIDA DOS SANTOS
TAMARA SCARLAT PEREIRA DE SOUZA
CRISTHIANY RODRIGUES DE OLIVEIRA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 792253
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 146319
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 106644
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 61746
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 35450
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 25414
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 18791
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 16749
247 VANESSA  SOARES
VANESSA SOARES
Total: 16436
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 15895
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 157
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

A DANÇA DA CANETA


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Sai caneta
passeia nas linhas deste caderno
convença esta poeta
Que a vida não é o inferno
dança caneta
Na palma da minha mão
Escreve bem bonitinho
Para acalmar meu coração
Anda caneta
Rebolando teu andar
Me conta direitinho
Porque os passáros podem voar
Escreve caneta
Me escreve sem falhar
E me contam porque os peixes
Só podem viver no mar
Vai caneta
Diz logo e não mente
Por que a cobra
É um bicho tão repelente
E agora caneta
prossegue tua dança
Me diz o que é mais bonito
Que o sorriso de uma criança
A última caneta
Agora sem refletir
Por que é que o homem
Vive sempre a mentir
Adeus caneta
Nada mais vou perguntar
Pois você já conseguiu
Conseguiu me acalmar.

Publicado no site: em 20/09/2009

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de THALYA SANTOS:
A ALMA Autor(a):
A CADEIRA DA VOVÓ Autor(a):
A CHUVA NÃO PARA Autor(a):
A CIDADE DORME Autor(a):
A CIDADE MAIS ANTIGA DO RIO GRANDE DO SUL ( CURIOSIDADES ) Autor(a):
A DANÇA DA CANETA Autor(a):
A DESGRAÇADA DA ESTELA Autor(a):
A DIFERENÇA DE LADRÃO DE GALINHA E DE ROUBAR O PAÍS Autor(a):
A DOR QUE SUFOCO EM MEU PEITO Autor(a):
A ESCADA Autor(a):
A ESCOLA DA VIDA Autor(a):
A FORÇA DA AMIZADE Autor(a):
A HERANÇA Autor(a):
A HISTÓRIA DA VELHA Autor(a):
A HISTÓRIA DO PIÁ Autor(a):
A IMPORTÂNCIA DO QUASE Autor(a):
A LUA FOI DORMIR Autor(a):
A MAGIA DA NOITE Autor(a):
A MENINA E HISTÓRIA Autor(a):
A MINHA AMIGA AMARILLIS Autor(a):
A MORTE Autor(a):
A MORTE NÃO INTERROMPE A VIDA Autor(a):
A PALHAÇA Autor(a):
A PERERECA GELADA Autor(a):
A POESIA DO NADA Autor(a):
A POESIA ME ABRAÇA Autor(a):
A POESIA ME ABRAÇA Autor(a):
A PORTA TRANCADA Autor(a):
A RUA Autor(a):
A RUA MAIS BONITA DO MUNDO ( curiosidades) Autor(a):