MARCO AURÉLIO BICALHO DE ABREU CHAGAS

 -  - MARCO AURÉLIO
Total Visualizações: 1218
Texto mais lido:
DEUS - Total: 191
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 70
10 Autores mais recentes...
JUAN CARLOS
DARLAN BEZERRA PILAR
JOSÉ ROBERTO DA SILVA
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
JOSÉ MARIA AMARANTO
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1615630
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 262394
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 136830
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 113302
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 95197
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 62747
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 36112
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 33352
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 32716
657 ELIO MOREIRA
ELIO MOREIRA
Total: 30592
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 53
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

RELATOS: FLAES DA VIDA REAL


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

CUMÉ QUI CHAMA

Aconteceu num lugarejo no interior de Minas Gerais. Um fazendeiro rústico ordenou ao seu peão: -Vá à cidade levar o carregamento de lenha e traga o «cumé qui chama». Presente à cena e ouvindo aquela expressão, não entendi o pedido. No final do dia o peão retornando, apeou de seu cavalo e o fazendeiro lhe disse: - Trouxe o «cumé qui chama»? O empregado respondeu: - «sim padim!». E até hoje não sei do que se tratava !?


COISA DE PORTUGUÊS

Um português veio de Coimbra, Portugal, visitar o seu patrício aqui no Brasil. Depois de alguns dias em nosso País e saudoso de sua terra, resolveu usar dois relógios de pulso, um com o horário do Brasil e outro registrando a hora de sua terra. Certa vez, angustiado disse ao conterrâneo: - Compadre, estou num dilema: não sei qual horário seguir, se o da terrinha ou o daqui.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de MARCO AURÉLIO BICALHO DE ABREU CHAGAS:
A BOA-FÉ NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E NA CONDUTA DO CIDADÃO Autor(a):
A MORAL NATURAL Autor(a):
A SABEDORIA DO ANCIÃO Autor(a):
BOA CONDUTA NA VIDA Autor(a):
CHAVE DE OURO Autor(a):
DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS EM VERSOS Autor(a):
DEUS Autor(a):
HISTÓRIA DE CINCO ROSAS Autor(a):
MITOLOGIA BRASILEIRA EM VERSINHOS Autor(a):
MONTANHA DE INCOMPREENSÕES Autor(a):
MULHER Autor(a):
NEM TUDO É BAIXO NO MUNDO; HÁ ALTURAS QUE PODEMOS ESCALAR Autor(a):
NOVOS CONCEITOS Autor(a):
O QUE NÃO SE CANSA!!!??? Autor(a):
O QUEIJO Autor(a):
OS SABORES REAIS - COMIDA MINEIRA Autor(a):
PEDIR A DEUS Autor(a):
POR QUE NÃO PAGAR A TAXA DE INCÊNDIO? Autor(a):
PREPARAR-SE PARA A VIDA Autor(a):
RELATOS: FLAES DA VIDA REAL Autor(a):
TEMPO ETERNO Autor(a):
TROVINHAS INSPIRADAS NUMA NOVA CULTURA Autor(a):
UM POUCO MAIS DE MITOLOGIA... Autor(a):
UMA GOTINHA... Autor(a):
UTOPIA ??!! Autor(a):