DIRCEU DETROZ

 -  - DIRCEU DETROZ
Total Visualizações: 755912
Texto mais lido:
MATINÊ - Total: 1668
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 3017
10 Autores mais recentes...
SIDNAIDE DALINA DOS SANTOS
JOSE HENRIQUE SANTOS
ELIZANDRO APARECIDO ROCHA DOS SANTOS
MARIA DE LOURDES ALVES RIBEIRO FIDELES
FELIPE RAFAEL DOS SANTOS
MARIA EDUARDA BARBOSA CASTRO
ALCILEIA
LARA FÁBIA SCHUNCK
EMILLY SCHWAMBACH UHL
WESLAYNE HOLLUNDER PESSOA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 5326699
657 ELIO MOREIRA
ELIO MOREIRA
Total: 1016820
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 815655
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 755912
622 SANTO VANDINHO
SANTO VANDINHO
Total: 419780
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 216720
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 144612
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 111539
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 102898
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 93910
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 922
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
 
 

PROCURANDO CULPADOS

Na semana que passou, o papa emérito Bento 16 foi notícia na mídia mundial. Bento publicou uma carta atribuindo a culpa dos abusos sexuais na Igreja Católica à “revolução sexual” dos anos sessenta.

Na carta duramente criticada por teólogos, Bento afirma que as mudanças históricas e culturais culminaram com a dissolução da moralidade do catolicismo. Foram os anos sessenta os culpados pelo homossexualismo e a pedofilia. Os teólogos críticos dizem haver casos de abusos documentados muito antes de 1960.

Bento certamente se referia ao maior movimento de contracultura que o mundo conheceu na década de 1960. O movimento Hippie. Os hippies tinham uma visão totalmente contrária dos valores considerados importantes pelas sociedades. Eram contra o trabalho, o nacionalismo e o patriotismo. Abominavam a ascensão social e a estética dominante na época.

Adeptos do sexo livre, a marca registrada da contracultura foi a rebeldia dos jovens. O movimento foi a principal voz contra a Guerra do Vietnã. Seu momento de apoteose aconteceu no Festival de Woodstock em 1969. Músicas como “Aquarius” e “Let the Sunshine In” são verdadeiros hinos daquela época.

A contracultura não ficou restrita aos Estados Unidos. Espalhou-se pelo mundo. Foi a única utopia conhecida até hoje que conseguiu mudar vários padrões das sociedades ocidentais. No Brasil a contracultura também chegou, mas foi rapidamente ofuscada pela ditadura militar deixando, contudo, muitos resquícios.

Bento está procurando culpados no lugar errado. Ele deveria procurar num lugar que talvez sua crença nem permita acreditar que exista. Na Teoria da Evolução. Fé e crença não são características evolutivas dos Homo Sapiens. O instinto sexual é. Não querendo o sexo interferindo na fé, acreditaram que taxá-lo como pecado seria suficiente para reprimi-lo. Tudo o que reprimimos quando decidimos fazer, fazemos do modo errado.

Nenhuma fé é maior do que um instinto. Só os instintos são evolutivos. Fé e crenças são impostas religiosa ou culturalmente citando o Capitalismo. Imaginem alguém tentando fazer um guepardo crer não ser capaz de acelerar de 0 a 100 em três segundos.

Algumas espécies evoluíram para ser monogâmicas. Não existem exceções. Não creio que o Homo Sapiens evoluiu para ser monogâmico. Há exceções demais. A monogamia dos Sapiens foi um costume imposto culturalmente.

A contracultura assustou as sociedades por seu modo de não reprimir seus instintos evolutivos. Agora são apontados como culpados por legiões que passaram séculos reprimindo e sendo reprimidos. A culpa está nos reprimidos.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de DIRCEU DETROZ:
10% humano Autor(a):
A "IA" NÃO SERÁ UM MENINO BONITO Autor(a):
A ALMA A SINGULARIDADE E O FUTURO Autor(a):
A causa da ciência Autor(a):
A CHEGADA Autor(a):
A CIÊNCIA ACIMA DE TODOS Autor(a):
A CULPA NÃO É DOS OSSOS - Crônica escrita em 2014 Autor(a):
A década revolucionária Autor(a):
A descoberta da Terra Autor(a):
A EQUAÇÃO DA ALMA Autor(a):
A esperança e a dor Autor(a):
À ESPREITA Autor(a):
A ESTRANHA INTELIGÊNCIA Autor(a):
A falta de sorte deles Autor(a):
A garota de Sugar Beach Autor(a):
A garota dos coturnos voltou Autor(a):
A GENÉTICA DIVINA Autor(a):
A História e a lenda Autor(a):
A IA e o xadrez Autor(a):
A ideologia dos algoritmos Autor(a):
A ideologia e a cultura Autor(a):
A INDUSTRIA GENÉTICA NÃO É FICÇÃO Autor(a):
A INFÂNCIA DOS LIVROS Autor(a):
A LIZZ DO DIR Autor(a):
A MAÇA DO CONHECIMENTO Autor(a):
A MENINA NA JANELA Autor(a):
A morte da morte Autor(a):
A negação dos radicais Autor(a):
A NOITE DE ONTEM Autor(a):
A NOSSA IDADE DAS TREVAS Autor(a):