ALEXANDRE BRUSSOLO

 -  - ALEXANDRE BRUSSOLO
Total Visualizações: 148933
Texto mais lido:
Música (T2941) - Total: 2548
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 232
10 Autores mais recentes...
ELIZABETH PEREIRA DA SILVA
ELLENDRA VALENTINE
ONIVAN BARBOSA PANTOJA
ADALTO FREITAS
PERGENTINO JUNIOR
MARIA DO SOCORRO DOMINGOS
PAOLA CAMILA DOS SANTOS ESQUIVEL
SALETE APARECIDA DOS SANTOS
TAMARA SCARLAT PEREIRA DE SOUZA
CRISTHIANY RODRIGUES DE OLIVEIRA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 801062
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 148933
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 106723
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 62252
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 36229
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 25841
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 19016
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 16930
247 VANESSA  SOARES
VANESSA SOARES
Total: 16576
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 16138
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 47
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

Um coração (T1133)


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Um coração magoado pelo tempo
que chora as tristezas da vida,
conflitos que confundem a alma,
um coração que cometeu só um erro,
de amar muito além da razão,
hoje colhe os espinhos que as rosas deixaram
e as pétalas já murchas de tristeza
foram levadas pelo vento do desespero,
as lágrimas que um dia as molharam
já secam em meus olhos tristes
pois não há mais o que chorar,
é como um rio que seca no verão castigante,
que sofre a dor da morte temporária,
mas um dia o júbilo chega a ele
e a vida recomeça em dias de chuva,
mas não consigo sentir a chuva que cai
e continuo a caminhada em grande tristeza.

Alexandre Brussolo (27/02/2011)

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de ALEXANDRE BRUSSOLO:
A arte de amar (T2387) Autor(a):
A cada dia (T2178) Autor(a):
A cada dia (T2631) Autor(a):
A cada manhã (T1803) Autor(a):
A cada noite (T2004) Autor(a):
A casa (T2944) Autor(a):
A Derrota (T175) Autor(a):
A dor da perda (T690) Autor(a):
A dor de um poeta (T799) Autor(a):
A Era da Incerteza (R30) Autor(a):
A Estrelinha (T443) Autor(a):
A força de Deus (T1585) Autor(a):
A Gafe (T200) Autor(a):
A história se repete (T552) Autor(a):
A Imagem de Deus (T1074) Autor(a):
A Janela (T617) Autor(a):
À luz de velas (T718) Autor(a):
À mercê (T2616) Autor(a):
À Minha Vó... (T202) Autor(a):
A outra metade (T2088) Autor(a):
A poesia de cada um (T2914) Autor(a):
A presença de Deus (T1699) Autor(a):
A Princesa (T1766) Autor(a):
A Princesa (T311) Autor(a):
À Procura do Caminho Certo (T25) Autor(a):
A saudade dói (T1747) Autor(a):
A seu lado (T2157) Autor(a):
À sua procura (T2214) Autor(a):
A tal felicidade (T2840) Autor(a):
A Taturana Ana (T238) Autor(a):