ZILDO GALLO

 -  - ZILDO GALLO
Total Visualizações: 10348
Texto mais lido:
BEIJA-FLOR - Total: 278
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 698
10 Autores mais recentes...
PAOLA CAMILA DOS SANTOS ESQUIVEL
SALETE APARECIDA DOS SANTOS
TAMARA SCARLAT PEREIRA DE SOUZA
CRISTHIANY RODRIGUES DE OLIVEIRA
NALDO VELHO
VIVIANE NEVES CARDOSO
HAMILTON RAUL SERPA
JUAREZ VELÁSQUEZ DE MELLO CARVALHO
ARIEL ALVES DA SILVA
LUIZ HENRIQUE GOMES PATRIOTA
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 693890
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 122533
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 105703
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 54554
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 31490
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 21050
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 16010
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 14960
247 VANESSA  SOARES
VANESSA SOARES
Total: 14655
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 14198
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 11
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

Resenha: Capitalismo e Colapso Ambiental, uma leitura mais que necessária


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

O livro Capitalismo e Colapso Ambiental (Editora da Unicamp), do professor do Departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp, Luiz Marques, ganhou o prêmio Jabuti 2016 em primeiro lugar na categoria Ciências da Natureza, Meio Ambiente e Matemática. Sem dúvida alguma, trata-se de um prêmio merecido, pois há muito tempo permanecia a necessidade de uma obra que tocasse com a profundidade necessária a grande crise socioambiental que atravessa o nosso planeta.

Para Marques, as crises ambientais e sociais tornam necessária e inadiável uma reflexão sobre o caos planetário, em que toda a sociedade pode prejudicar-se de forma grave e com difícil reversibilidade. Assim, como não poderia deixar de ser, o seu livro é um estudo que aponta o capitalismo como essencialmente expansivo e predador e que tem levado planeta a um quadro gigantesco de devastação ambiental. Para ele, reverter tal trajetória implica na desmontagem do processo acumulativo e expansivo deste modo de produção, o que significa, na prática, desmontá-lo.

Talvez seja necessária a própria superação do modo de produção capitalista pois o crescimento ininterrupto e infinito é a sua forma de ser. A busca do crescimento a qualquer custo moldou este sistema na forma de uma máquina multinacional intrinsecamente predatória e, assim, o capitalismo global tem extinguido ou ameaçado a existência de um número cada vez mais crescente de espécies (animais e vegetais), entre as quais, os próprios seres humanos.

Enfim, uma grande obra para o momento mais crítico da história da humanidade, quando ela própria colocou-se em grave risco, sozinha, sem a ameaça de nenhum meteoro gigante vindo do espaço sideral, como aconteceu no caso da extinção dos dinossauros há muitos milhões de anos atrás. O livro de Marques posta-se a nossa frente como uma moderna esfinge ameaçadora: decifra-me ou te devoro. Todos os estudiosos das questões socioambientais e todos os cidadãos estão chamados a decifrar a esfinge, para se incluírem de forma mais efetiva no bom combate a ser travado para salvar os ecossistemas e a própria humanidade. Sem dúvida nenhuma, a maior tarefa colocada aos seres humanos desde o início da sua trajetória.

Adquiram a obra: uma leitura mais que indispensável, crucial. Adquiram, leiam e divulguem. Trata-se de uma boa arma para um bom combate.

MARQUES, Luiz. Capitalismo e Colapso Ambiental. Campinas, SP: Editora da UNICAMP, 2015, 648p.
 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de ZILDO GALLO:
(RE)(IN)VOLUÇÃO: grandes almas Autor(a):
A conversão de São Francisco: uma loucura divina Autor(a):
A FOME E O PAPEL Autor(a):
A HORA DA AVE MARIA Autor(a):
A MENINA QUE PASSAVA Autor(a):
A OUTRA GUERRA Autor(a):
A POESIA (o poeta e sua sina) Autor(a):
AFIRMAÇÃO (Smithiana mão invisível) Autor(a):
ÁGUA PARA TODOS Autor(a):
ÁGUA: UM POEMA À CONSCIÊNCIA Autor(a):
ÁGUAS DE OUTUBRO (via crucis) Autor(a):
ANÉIS DE SATURNO Autor(a):
AO MINEIRINHO POETA Autor(a):
ÁRVORE SECA Autor(a):
AS FLORES E O CANHÃO Autor(a):
ASTRONAUTA (POEMA SIDERAL) Autor(a):
BATIZADO DOS BICHOS Autor(a):
BEIJA-FLOR Autor(a):
BEM-TE-VI Autor(a):
BODE EXPIATÓRIO Autor(a):
BONECA RUSSA (Matriosca) Autor(a):
BOROCOXÔ MA NON TROPPO Autor(a):
CALCANHAR E MENTE Autor(a):
CANÇÃO DO EXÍLIO RURAL – UM POEMA MUITO CONCRETO Autor(a):
CANÇÃO DO EXÍLIO RURAL – UM POEMA MUITO CONCRETO Autor(a):
CLARA CLAREANDO Autor(a):
CONDIÇÃO HUMANA (existencialismo) Autor(a):
CONDIÇÃO HUMANA OU TIME IS MONEY Autor(a):
CONTRA O PODER (para Reich) Autor(a):
DA BREVIDADE E DA BELEZA Autor(a):