DIRCEU DETROZ

 -  - DIRCEU DETROZ
Total Visualizações: 106890
Texto mais lido:
BAILARINA - Total: 469
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 1584
10 Autores mais recentes...
VALDINEI DA SILVA CAMPOS
MILTON JORGE DA SILVA
CELSO GABRIEL DE TOLEDO E SILVA
MARIA DE SOUZA CEZAR
EVERALDO JOSÉ CAVALHEIRO PAVÃO
JOSE JOÃO BOSCO PEREIRA
RUAN VIEIRA
FERNANDO DANIEL FRANCO DE CAMARGO
ELIAS OLIVEIRA DE JESUS
MARISA BARBOSA CAJADO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 1327893
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 239392
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 111000
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 106890
1121 THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Total: 86407
622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO
Total: 48262
218 ZILDO GALLO
ZILDO GALLO
Total: 31005
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 29440
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 28108
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 24421
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 189
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

UMA MARIA MADALENA EMPODERADA


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Quando nos deparamos com a visão arcaica que as sociedades modernas ainda têm das mulheres em pleno século 21, é fácil entender a tentativa da Igreja Católica de banir Maria Madalena da sua fé. E para fazer isto lá nos primórdios, a melhor maneira foi apontar o dedo e gritar alto para ecoar: “Uma prostituta”.

A fé católica desde sempre foi dominada e governada por machistas. Sua parcela de culpa pelo machismo dominar o mundo é enorme. Neste ambiente inicial da fé é possível imaginar numa missa alguém dizendo: “Evangelho segundo Maria Madalena”? Nem em nossos dias isto aconteceria. Uma evangelista ainda não seria aceita.

Cabe até uma analogia um tanto engraçada com a atriz Rooney Mara que interpreta Maria Madalena. Nas ficções Rooney parece não ter muita sorte com os homens. Ela é a hacker abusada sexualmente Lisbeth em “Os Homens que não Amavam as Mulheres”. Como Maria Madalena, viveu numa época em que as mulheres eram consideradas quase como escravas. Inclusive sexuais.

O filme “Maria Madalena” começa com um parto difícil. Um primeiro recado aos homens. Olha só as dores que temos de sentir para vocês chegarem ao mundo. Muitos estudiosos afirmam que Maria Madalena era rica. O filme optou por mostrá-la pobre. Rica ou pobre, certamente sua infelicidade com a condição de mulher seria a mesma.

Maria Madalena convive com seus dilemas de mulher. A recusa de um casamento arranjado é motivo de vergonha para toda a família. Logo seus dilemas são confundidos com possessão demoníaca, e Maria Madalena passa por um exorcismo.

Para Maria Madalena as palavras não de um Jesus salvador, mas de um revolucionário interpretado pelo ator Joaquin Phoenix, que também foi o imperador Cômodo em “O Gladiador”, antes da fé, serviram para concretizar o seu desejo urgente de fuga e liberdade. O que diríamos ainda hoje de uma mulher que abandona sua família, e passa a caminhar com um bando de homens desconhecidos? Com toda a certeza, gritaríamos alto para ecoar uma outra palavra que também começa com P.

O filme não comete indelicadezas e nem precisa. Os closes nos olhos e nos olhares deixam claro outro dilema vivido por Maria Madalena. Estou seguindo este homem por uma fé ou por um amor. É possível que a ficção do filme opte pela segunda opção quando Maria Madalena ouve da mãe de Jesus: “Se você o ama prepare-se para perdê-lo”. Não é o mesmo que: “Se você tem fé e acredita na sua doutrina...”.

Que todas as crenças existentes são baseadas em ficções é um fato. Todas essas ficções desempenham papel fundamental nos conflitos e dilemas das sociedades modernas. Provavelmente se Maria Madalena não fosse banida da ficção, não haveria também na ficção uma hacker abusada sexualmente chamada Lisbeth.

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de DIRCEU DETROZ:
A "IA" NÃO SERÁ UM MENINO BONITO Autor(a):
A ALMA A SINGULARIDADE E O FUTURO Autor(a):
A CHEGADA Autor(a):
A CULPA NÃO É DOS OSSOS - Crônica escrita em 2014 Autor(a):
A EQUAÇÃO DA ALMA Autor(a):
À ESPREITA Autor(a):
A GENÉTICA DIVINA Autor(a):
A INDUSTRIA GENÉTICA NÃO É FICÇÃO Autor(a):
A INFÂNCIA DOS LIVROS Autor(a):
A LIZZ DO DIR Autor(a):
A MAÇA DO CONHECIMENTO Autor(a):
A MENINA NA JANELA Autor(a):
A NOITE DE ONTEM Autor(a):
A NOSSA IDADE DAS TREVAS Autor(a):
A NOSSA LÍNGUA PORTUGUESA Autor(a):
A OBRA-PRIMA DO PERDÃO Autor(a):
A REALIDADE E A FICÇÃO Autor(a):
A SAGA DO SOM ESTÉREO Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A SENHA Autor(a):
A UTOPIA CÓSMICA Autor(a):
A VAGINA DO PICASSO (Um conto nada intelectual) Autor(a):
A VARIÁVEL ESQUECIDA Autor(a):
A VARIÁVEL HUMANA Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VEZ DAS CIGARRAS Autor(a):
A VIDA PREGA PEÇAS Autor(a):
A VISITA Autor(a):
A VISITA DO APOPHIS Autor(a):
AÇÃO Autor(a):