Total Visualizações: 7982
Texto mais lido:
A ARTILHARIA DA DIREITA (5 anos de artilharia) - Total: 546

Amigos Recentes

622 EVANDRO JORGE DO ESPIRITO SANTO1121 THALYA SANTOS587 RODRIGO GIOVANI BORCHARDT477 ADEMYR BORTOT613 SEDNAN MOURA440 ARMANDO MUNIZ POETA444 DRILLY MANFRE3 JÚLIO CÉSAR DE ALMEIDA VIDAL
Meus amigos...
Efuturo: Banner inicial para personalizar. 202 Todos os textos de: EACOELHO
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 0
Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

ESTRELA CADENTE


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

E eu caminhava pela estrada de chão,
Que ia cortando o vale e os morros tão perto,
Eu pisando o barro da estrada crua em cada passo,
Que se ia estreitando ao longe, perdendo-se da vista.

Lua branca no céu, clareando todo caminho,
Formando sombras que até faziam medos,
E o céu salpicado de estrelas me seguia,
Diamantes reluzentes pregados no teto do mundo,
Cintilando mais luzes, pintando a noite de mistério.

Olhos na estrada que seguia ainda longe,
Pensamentos viajando naquele céu encantado
Vagando entre as estrelas, ora descansando na lua,
Buscando no peito o poeta, então quieto, sem verbos.

Céu também quieto, aninhando a lua,
Estrelas espalhadas desordenadamente,
E a brisa da noite tocando meu rosto,
E eu caminhava e me embebedava em êxtase.

E exatamente quando pensei em ti,
E a desejei ali comigo, caminhando assim,
Olhado comigo o céu tão lindo, a lua tão nua,
Uma estrela se revolta e se faz cadente,
E corta o céu num risco de fogo,
E vai se esconde atrás do morro,
E lá fica, só espreitando meus pensamentos,
Talvez chamando todos os anjos,
Para benzer as minhas lembranças tuas.

EACOELHO

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
Total de visualização: 169
[ 30 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
1 A ARTILHARIA DA DIREITA (5 anos de artilharia) 546 03/04/2018
1 CASULO 244 28/12/2011
1 DESIGUAIS 220 26/12/2011
1 NATAL - DOS CORRUPTOS 172 23/12/2011
1 SEM SENTIDO 162 22/12/2011
1 PARA SEMPRE 173 22/12/2011
1 VEM DE TI 160 28/07/2010
1 AVISO AOS HIPÓCRITAS 202 25/07/2010
1 SEJA FELIZ 187 24/07/2010
1 CÉU DA TUA BOCA 223 20/07/2010
1 CORAÇÃO DE POETA 205 20/07/2010
0 MERCADOR DE ILUSÕES 137 09/07/2010
0 CONCLUSÕES 206 09/07/2010
0 A MULHER QUE EU AMO 208 09/07/2010
0 SEM QUERER 147 04/07/2010
0 SEDUÇÃO 137 04/07/2010
0 O QUE FAÇO AGORA 134 02/07/2010
0 RECORDAR É VIVER 122 01/07/2010
0 PERNAS CRUZADAS 128 30/06/2010
0 COPA DO MUNDO - INDUSTRIA DE EMOÇÕES 206 30/06/2010
0 LADRAO DE ESTRELAS 149 30/06/2010
0 ESTRELA CADENTE 169 30/06/2010
0 DIA SEGUINTE 186 30/06/2010
0 CONTROVÉRSIA 189 30/06/2010
0 CATACLISMA 185 30/06/2010
0 APENAS 193 30/06/2010
0 A MULHER DA MINHA ALDEIA 178 30/06/2010
0 A REDE DO MEDO 212 18/06/2010
0 CAIPIRA 210 18/06/2010
0 CONVERSA DE HOMEM 186 16/06/2010