Total Visualizações: 9985
Texto mais lido:
BRINCANDO COM PALAVRAS INVERTIDAS - Total: 686

Amigos Recentes

324 PAULO FONTENELLE DE ARAUJO1121 THALYA SANTOS622 SANTO VANDINHO620 EDIMARCIO MUNIZ PEREIRA613 SEDNAN MOURA567 ACIR CAIANA587 RODRIGO GIOVANI BORCHARDT393 EMANUELA RUFINO
Meus amigos...
Efuturo: Banner inicial para personalizar. 492 Todos os textos de: MARIA HILDA DE J. ALÃO
Busca Geral:
     
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!

 
Imprimir Texto
Total Votos: 0

BRINCANDO COM O NÚMERO CINCO


*** Faça o seu Login e envie esse texto por email ***

Casa branca,
Telhado de zinco,
Com números eu brinco,
Cinco vezes um = cinco.

Estudante bom medita.
O saber é coisa bendita,
Dez são cinco vezes dois,
Aprenda pra não chorar depois.

Matemática é poesia
É como uma pescaria.
Os quinze anos de alegria,
Da menina Maria,

São apenas cinco vezes três.
Lembro mais uma vez,
É bom que acredite
Cinco vezes quatro = vinte.

Dos números não tenha medo.
Vou contar um segredo,
Cinco vezes cinco bombons
São vinte e cinco delícias.

Isso você já sabia, sim,
Mas não fique animadinha,
É um pra você maninha,
Vinte e quatro pra mim.

Tenho trinta bolas de gesso.
Na multiplicação quero saber
Quantos cinco podem caber.
Boa resposta eu mereço:

Cabem seis: diz a Suzete.
Cinco vezes seis = trinta: diz Anete.
Cinco vezes sete= trinta e cinco,
Grita lá do fundo o Tonico.

Começou o falatório
Na sala do refeitório
Passando pelo auditório
Chegou à diretoria.

E a diretora, dona Teresa,
Andando ao redor da mesa
Resmungava: quem é que aguenta
Essas crianças repetindo
Cinco vezes oito = quarenta.

Cheia de graça e de beleza,
Veio Leonor com leveza
Dizer-me: eu estudo não brinco.
Cinco vezes nove = quarenta e cinco.

E pra terminar a brincadeira,
Sem que haja choradeira,
Digo que inventor é quem inventa,
Cinco vezes dez = cinquenta.


Maria Hilda de J. Alão

 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login.
Total de visualização: 402
[ 21 ] Texto
Votos Poesia Leitura Publicação
0 BRINCANDO COM PALAVRAS INVERTIDAS 686 19/09/2018
0 BRINCANDO COM O NÚMERO TRÊS 397 19/09/2018
0 BRINCANDO COM O NÚMERO CINCO 402 19/09/2018
0 BRIGA DE GATO GRANDE (cordel infantil) 428 19/09/2018
0 O MOÇO ESTRANHO 433 19/09/2018
0 DOM RATÃO NA MANSÃO 547 11/05/2018
0 DOM RATÃO NÃO GOSTA DE PÃO 448 11/05/2018
0 O TESOURO ENTERRADO 517 05/04/2018
0 O TESOURO DA VILA 540 05/04/2018
0 O MENINO E A FLOR 466 05/04/2018
0 O BAILE DO JACARÉ 481 05/04/2018
0 INVASÃO DA FORTALEZA 593 05/04/2018
0 MARIA DA GRAÇA 469 05/04/2018
1 O PRESÉPIO DE NATAL (Cordel Infantil) 583 03/04/2018
1 DONA CORUJA SABICHONA (cordel infantil) 453 03/04/2018
1 A CARTA SOBRE A CAMA 431 03/04/2018
1 A GIRAFA LINGUARUDA 444 03/04/2018
1 CRIANÇA POETA 420 03/04/2018
1 DEIXA-ME FICAR MAIS UM POUCO 394 02/04/2018
0 ALGUM DIA EU TE DIREI. 449 02/04/2018
0 À PROCURA DA POESIA 404 02/04/2018