ALBERTO DOS ANJOS COSTA

 -  - ALBERTO DOS
Total Visualizações: 3756
Texto mais lido:
A Idade da Inocência - Total: 55
Educares são nossos pontos, nossa pontuação! Educares: 317
10 Autores mais recentes...
VERA SALVIANO
SANDRA TAÍS AMORIM DA CUNHA
GURU EVALD
ROBERT THOMAZ
MOISÉS ANTÓNIO
MAGO JAM
DURVALINA CASTOLDI
GILMAR GROSSINI
DEJANILDA DOS SANTOS BARBOSA MARQUEZINO
TATIANA ROZARIO
10 Autores mais lidos...
613 SEDNAN MOURA
SEDNAN MOURA
Total: 146070
272 PEDRO VONO
PEDRO VONO
Total: 100242
285 ALEXANDRE BRUSSOLO
ALEXANDRE BRUSSOLO
Total: 60173
247 VANESSA  SOARES
VANESSA SOARES
Total: 7592
189 LADISLAU FLORIANO
LADISLAU FLORIANO
Total: 7455
190 DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Total: 6709
375 WILLIAM PEREIRA DE MENDONÇA
WILLIAM PEREIRA DE MENDONÇA
Total: 6708
385 ANDRADE JORGE
ANDRADE JORGE
Total: 4889
192 ALCINA MARIA SILVA AZEVEDO
ALCINA MARIA SILVA AZEVEDO
Total: 4486
496 ALBERTO DOS ANJOS COSTA
ALBERTO DOS ANJOS COSTA
Total: 3756
Sala de Leitura
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto TituloTexto



Total de visualização: 7
Textos & Poesias
Imprimir

Total Votos: 0
DICA: Utilize o botão COMPARTILHAR (do facebook em azul) ou o LINK CURTO que disponibilizamos logo abaixo desse botão para compartilhar seu TALENTO nas Redes Sociais, compartilhando com mais fãs e leitores de toda parte do Mundo Virtual. Esse recurso foi desenvolvido para ajudar na divulgação de seus textos. USE SEMPRE QUE DESEJAR!
  Anote esse link curto de seu texto e divulgue nas redes sociais.

Luzir do Descanso

Fim de semana desejado,
refazendo as energias,
suprimindo o seu cansaço,
no sobreviver das fantasias.

Você senhor do tempo,
liberdade do fazer,
se perde nestes momentos,
esquecendo de seu lazer.

Seu costume ao labor,
com o ritmo alucinante,
traz o sábado sem fulgor,
e domingo estertorante.

Final de semana é o luzir,
no valorizar de seu instante,
aproveitamento a refletir,
no desperdiçar tão constante.

Sábado é a opção
do comprazer em alegrias,
domingo sem depressão,
sustando tristezas em sua vida.

Repouso revigorando,
no prover do novo dia,
a rotina se infirmando,
no desfrutar que se inicia.
 
   
Comente o texto do autor. Para isso, faça seu login. Mais textos de ALBERTO DOS ANJOS COSTA:
A Idade da Inocência Autor(a):
A noite Autor(a):
A Outra Autor(a):
Abnegação Materna Autor(a):
Aborto Negligenciado Autor(a):
Adolescência Autor(a):
Afetuosa Amizade Autor(a):
Agrado Autor(a):
AIDS Autor(a):
Alberto dos Anjos Costa Autor(a):
Aliança Autor(a):
Alma Santa Autor(a):
Alquimia do Amor Autor(a):
Altivos Monumentos Autor(a):
Alvo Sentenciar Autor(a):
Amigo Especial Autor(a):
Amigos Autor(a):
Amizade Autor(a):
Amor Autor(a):
Amor Proibido Autor(a):
Amor Proibido Autor(a):
Aniversariante Autor(a):
Anjos Autor(a):
Anjos Rebeldes Autor(a):
Apego Autor(a):
Ápice Sensual Autor(a):
Apurada Essência Autor(a):
Ardente Maturidade Autor(a):
Arroubo Autor(a):
Artimanhas Autor(a):

Parceria:

Academia Gonçalense de Letras, Artes e Ciências.